Vendedores vs. E-commerce

Quando comecei com e-commerce em 2000, isso mesmo há 14 anos atrás.  Eu era sócio de uma empresa de informática. Tínhamos vendedores, loja física e tudo mais…

Quando implementamos um e-commerce, a primeira reação dos vendedores foi de receio, pois havia um medo enorme de perder as vendas para o e-commerce e assim perder comissão.

Em 2000 era algo absolutamente novo, e até nós não saberíamos como iria ser. No final das contas as vendas aumentaram em 30% na loja em virtude do e-commerce, pois na época muitos consumidores se sentiam muito mais confortáveis em retirar o produto na loja, e 0 e-commerce funcionou muito como vitrine.  Resultando que os vendedores até toparam fazer um apoio telefônico / televendas do e-commerce.

Hoje está se falando muito em B2B, é a moda do e-commerce, uma moda até bem atrasada pois o B2b já estive a pelo menos 10 anos no Brasil. E novamente está se criando esta dúvida entre os vendedores do atacado.

Enfim o que posso afirmar com certeza é que o E-commerce veio para ficar e os vendedores que não se adaptarem só tem a perder com isso. Seja pela teimosia, resistência ou falta de jogo de cintura.

Deixe uma resposta