Fazenda autoriza reajuste de 10,6% em tarifas dos Correios

O Ministério da Fazenda autorizou reajuste das tarifas dos serviços postais e telegráficos, nacionais e internacionais, prestados exclusivamente pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) e determinou que o Ministério das Comunicações aplique um aumento linear de até 10,641% sobre todo o rol de tarifas e preços públicos cobrados pela empresa nos serviços postais de monopólio. A portaria com a decisão está publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira, 20.

Sem dinheiro em caixa até para pagar salários de empregados, os Correios esperavam esse aumento nas tarifas desde abril. Conforme o Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado, apurou no início do mês, com fontes, o represamento do preço das tarifas de serviços pelo governo para evitar impactos na inflação seria um dos principais fatores do prejuízo da estatal. Mesmo com o reajuste de 8,89% dado pelo governo em dezembro de 2015 às tarifas de entrega de cartas e telegramas, a defasagem retirou cerca de R$ 350 milhões dos Correios no ano passado. Também apesar do reajuste de 2015, os cálculos são de que as tarifas ainda continuavam defasadas em torno de 8%.

Rastreamento dos correios funcionando

A Loja Mestre novamente mostra sua capacidade e competência.

Com os Correios modificando e ou bloqueando o acesso ao servidor WEBSRO milhares de lojas virtuais ficaram sem o serviço de rastreamento dos correios e notificação de posição de objeto.

A Loja Mestre em 1 dia disponibilizou um serviços alternativo para o rastreamento. E em 2 dias restabeleceu completamente as funcionalidades em suas lojas relacionado ao serviço de rastreamento e notificação dos Correios.

Estamos cientes que centenas de lojas virtuais de plataformas menores e ou sistemas open source ainda não restabeleceram estes serviços e talvez até não consigam restabelecer tão cedo.  Se você está enfrentando problemas neste sentido e sabemos que este serviço é importantíssimo, pois o cliente quer saber onde está sua mercadoria, conheça a Loja Mestre, migre sua loja para a Loja Mestre.

Dia dos Namorados salva e-commerce

O Dia dos Namorados foi positivo para o comércio eletrônico brasileiro neste ano, que registrou um aumento no faturamento de 16% em relação ao ano passado, totalizando R$ 1,65 bilhão. O número de encomendas também foi 8% maior do que em 2015, ultrapassando 4 milhões de pedidos. O levantamento foi feito pela E-bit, empresa especializada em informações de comércio eletrônico no País.

“Após um primeiro trimestre muito ruim, as lojas começam a reverter as perdas de vendas com esforço adicional em marketing, o que tem atraído consumidores para as vantagens das compras online”, disse o CEO da E-bit e presidente do conselho de e-commerce da Fecomércio-SP, Pedro Guasti. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.