Camara E.Net cria selo para PMEs de venda online

A camara-e.net lança nesta quarta-feira, 21, o selo Clique e-Confie voltado às micro, pequenas e médias empresas que atuam no mundo digital. O objetivo é difundir informações e conhecimento estratégico sobre e-commerce e promover benefícios reais que possibilitem às MPEs tirarem proveito da economia digital seguindo os melhores padrões de ética.

O Selo Clique e-Confie não é apenas uma imagem. Ao clicar no selo, o e-consumidor é direcionado ao site camara-e.net que dará a chancela da identidade do site e sua adesão aos padrões de ética do movimento e-MPE. Só exibirão o selo as empresas associadas ao e-MPE depois de passarem pelo processo de validação realizado pela camara-e.net. Para aderir, a empresa pagará mensalmente R$ 59,90.

Fernando Ricci, secretário executivo da camara-e.net, explica que o selo e o kit “surgem de uma evolução do Ciclo MPE.net, nosso programa de capacitação para micros, pequenos e médios empreendedores que desejam abrir seu negócio nessa área ou aprimorá-lo”. Já Hyrla Marianna Silva, coordenadora do Comitê de MPEs da camara-e.net e também coordenadora nacional de comércio eletrônico do Sebrae, complementa: “É uma forma que encontramos para estimular a competitividade e contribuir com a perenidade desses negócios”.

O conceito da divulgação do selo Clique e-Confie também tem a finalidade de desenvolver nas pessoas o hábito de conferência por onde navegam, onde fazem suas compras e expõem seus dados. Segundo a publicitária, Regina Tupinambá, CEO da Insania Publicidade, agência responsável pela criação e divulgação do selo, o Clique e-Confie é mais que um atestado de acreditação. “O selo Clique e-Confie vai permitir que as MPEs identifiquem seus sites e transmitam a credibilidade necessária para transformar os visitantes em clientes, como fazem os grandes varejistas online.”

É importante ressaltar que o selo não tem a função de criptografia. “A criptografia não é necessária para a maioria das PMEs, porque elas terceirizam os serviços de meio de pagamentos que já possuem essa tecnologia no momento do pagamento,”diz.

Atrelado ao selo, a camara-e.net oferece um kit competitividade digital, que contempla ofertas de hospedagem, loja Web, e-mail, meios de pagamento, web marketing, serviços de logística e financiamento do cartão do BNDES para possibilitar a contratação da maioria desses serviços e ferramentas.

Dicas rápidas de divulgação de loja virtual

Dicas de divulgação

Vários lojistas tem nos reportado que o movimento caiu muito. E de fato o mercado está retraido. Então neste momento recomendamos redobrar as atenções aos clientes e melhorar a divulgação da loja virtual. Portanto, gostaríamos de compartilhar algumas dicas que podem ser úteis aos lojistas. O assunto pode até não ser novidade para alguns lojistas, porém acreditamos que possa ser muito útil para a maioria.

Dica 1: Facebook
Invista em uma página de sua loja virtual no Facebook. Não tem custo algum criar uma página no Facebook.
Integre dentro de sua página no facebook a sua loja virtual (http://www.lojamestre.com/helpdesk/knowledgebase.php?article=190), também é gratuito e essa ferramenta está disponível para todas as lojas CP e SD da Loja Mestre.
Realize semanalmente post na sua conta do Facebook. Destaque um produto a cada três dias. Agora inclusive é possível impulsionar uma postagem. Por exemplo, quando você posta uma promoção, quem a verá serão somente os seus amigos no facebook. Porém quando você impulsiona essa postagem, quem a vê são seus amigos e os amigos de seus amigos, ampliando assim em dezenas de vezes o alcance de sua divulgação. Essa questão de impulsionar é paga, porém você delimita o valor investido por ampliação na divulgação. Na Loja Mestre já fizemos este tipo de divulgação e o resultado é interessante.

Dica 2: Bing ADS
O Bing Ads é o principal concorrente do Google Adwords. Ele utiliza basicamente os portais do Yahoo e da Microsoft como display de anúncios. Tem se mostrado muito interessante no quesito de custo ser mais atrativo do que o Google Adwords e a concorrência ali é menor também.
O funcionamento é muito, mas muito parecido com o Google Adwords, as telas parecem até mesmo ser copiadas do Google Adwords para o usuário não sentir muito dificuldade em utilizar. Pode-se controlar investimentos mensais ou diários.
Para quem já anuncia no Google Adwords, recomendamos que testem o Bing Ads e utilizem uma parte do investimento do AdWords no Bing Ads.

Dica 3: Como utilizar os links patrocinados
Esta dica é válida tanto para Google Adwords como Bing Ads, a questão é otimizar as campanhas. Criar campanhas menores mais focadas, criando uma maior conversão.
Exemplificando, cria-se uma campanha para cada segmento de atuação de sua loja virtual. Separando por produtos os anúncios e palavras chaves, você consegue diminuir o custo por clique (CPC), definir palavras chaves mais específicas e anúncios que sejam mais apelativos e direcionados.
Com certeza é mais trabalhoso, mais complexo, mas o resultado é muito efetivo gerando uma taxa de conversão melhor.

Dica 4: E-mail marketing
Atualmente a taxa de conversão do e-mail marketing está muito baixa para atrair novos clientes. Uma taxa de abertura de e-mails acima de 3% é considerado sucesso. Então tem que se enviar muitos e-mails para se obter algum resultado.
Porém enviar e-mails para sua base de clientes é algo muito importante que não deve ser esquecido jamais. Fidelizar clientes em tempos de mercado fraco é primordial. Recomendamos um serviço de disparo de e-mails chamado SendGrid (http://www.sendgrid.com)

Dica 5: Atendimento On-Line
Quando um cliente entre em sua loja virtual, não seria interessante converter essa visita em uma venda? Com certeza seria, pois hoje está complicado conseguir trazer clientes para a loja virtual, portanto aumentar no máximo esta taxa de conversão é imprescindível. Uma maneira eficaz de se conseguir aumentar a conversão de visitas em venda é disponibilizar um chat de atendimento online. Recentemente instalamos um sistema destes no site da Loja Mestre. Recomendamos fortemente o sistema chamado Zopim, site do sistema: http://bit.ly/1fFx2K6 

São dicas simples mas que podem impactar nas suas vendas na loja virtual. Desejamos a todos sucesso com suas lojas virtuais.

Vídeos sobre sua loja ajudam a vender

Ele está há nove anos em nossas vidas e já não sabemos como viver sem. Ok que os vídeos pela internet antes de 2005 não eram muito populares (simplesmente porque velocidade da internet não era lá muito boa), mas o fato é que o YouTube mudou nosso modus operandi quando se trata de assistir vídeos pela web.

Ele mudou também nosso comportamento na hora de pesquisar algo na internet. Parece muito natural ir ao YouTube procurar o clipe, um meme, um tutorial ou um trecho de algum filme qualquer. Mas isso não é a toa: o YouTube é a segunda maior ferramenta de busca do mundo, perdendo apenas para o Google. Além disso, quando se trata de audiência, se compararmos o YouTube com as demais emissoras de sinal aberto do Brasil, ela estaria em segundo lugar, perderndo apenas para a Globo. E mais: sozinho, o YouTube possui mais audiência que todos os canais de TV a cabo juntos.

Daí eu pergunto: você já pensou em usar o YouTube não apenas como entretenimento, mas também como uma ferramenta dentro da sua estratégia de marketing digital? Darei a seguir alguns motivos para você pensar a respeito. Mas não pense já em desistir por acreditar que é muito difícil começar uma gravação! Uma webcam ou um celular com uma câmera já podem te ajudar no início da empreitada (conforme você for se “profissionalizando”, você passa a investir em aparelhagens mais modernas 😛 ).

A primeira vantagem em investir no YouTube está no destaque nas buscas através do Google. Você já reparou nas miniaturas que surgem quando é feita uma pesquisa? Vídeos costumam ganhar destaque no pagerank do buscador, e isso já é uma vantagem.

A segunda vantagem está em algo que sempre falo: com um nicho de mercado bem definido, é possível produzir e gerar algo que seus clientes e público em potencial querem: conteúdo qualificado. Produzir conteúdo para o público-alvo que seu negócio está inserido é a palavra-chave para o reconhecimento deles com sua loja. As possibilidades de assuntos variam com o estilo que seu comércio virtual possui e também com os produtos vendidos.

O YouTube também disponibiliza ferramentas que facilitam o processo de venda, basta exercitar sua imaginação! Com o  Hangouts, por exemplo, você pode realizar um bate-papo ao vivo sobre algum assunto do qual seus clientes têm mais dúvidas. Você também pode criar playlists com uma sequência de vídeos que você julga interessante para seu cliente. Outra ferramenta muito interessante é o direcionamento de links para outros locais, como o seu site, por exemplo. Você pode, no caso, adicionar um link direto para o produto do qual você está falando e usar uma chamada de ação para que ele realize a compra.

Portanto, mãos à obra! Tenha uma ideia na cabeça, uma câmera (de celular ou do próprio computador) na mão, e prepare-se para vender!